Quarta-feira, 15 de Setembro de 2010
Milos-de-corda...

Os Milos-de-corda são o produto mais recentemente comercializado nas lojas do Vitória.

O enorme sucesso que tem sido a sua comercialização é justificado por quatro factores distintos: primeiro, porque se trata de uma figura muito conhecida; depois, pelo longo tempo de duração da corda que pode ser dada a estes bonecos; em terceiro lugar, pela possibilidade de os personalizar, dando-lhe um nome próprio e podendo mesmo caracterizá-los ao gosto de cada um; e, finalmente, pela inigualável fiabilidade do seu comportamento depois de serem devidamente programados e formatados.

Luís Filipe Vieira foi o primeiro a interessar-se pelas potencialidades deste novo boneco. "Milo-Protocóis", como lhe chamou o presidente do Benfica, ainda hoje mantém toda a sua corda, não se desviando 1 mm que seja da rota que Vieira lhe traçou inicialmente.

O sucesso dos Milos-de-corda foi tão grande que até o próprio Jorge Mendes já resolveu adquirir um para si mesmo. Chamou-lhe "Milo-Milhões" e tornou-o tão rico que o boneco já não quis saber mais dos "Ribeiros" que o dono lhe impôs ou dos "Custódios" que lhe exigiu, tudo isto permitindo sem tão pouco pestanejar.

Os ecos do sucesso deste novo produto chegaram mesmo a Santa Clara. Embora reconhecendo não ter qualquer particular interesse por este tipo de entretenimento, António Magalhães não quis perder a oportunidade de exibir e até ostentar o seu poder, discricionário e gratuito, pelo que também decidiu comprar o seu boneco-de-corda, a que pomposamente chamou "Milo-Beija-Mão".

Mas muitos mais Milos-de-corda estão à disposição, não só dos sócios do Vitória, como também da população em geral, bonecos virgens sempre ansiosos por serem orientados e manipulados a bel-prazer de quem os possa adquirir.

Não perca esta oportunidade !

Compre você também o seu Milo-de-corda !

Encontrará um à sua espera na loja do Vitória mais perto de si...

 

José Rialto

 

(cartoon publicado no Depois Falamos)




publicado por Miguel Salazar às 23:16
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

9 comentários:
De mcnuno a 16 de Setembro de 2010 às 12:53
boas..
parabéns por mais uma excelente caricatura e história a condizer... retratas como ninguém as esquisitas histórias do nosso Vitória!!
mais uma vez parabéns, não só por este mas pela tua completa colecção de caricaturas!!!


De Miguel Salazar a 16 de Setembro de 2010 às 16:59
Muito obrigado MCNuno.
Alguns cartoons, como este, bem que preferia não ter de os fazer...


De Pedro a 16 de Setembro de 2010 às 14:30
Muitos parabéns mesmo. Fantastico trabalho


De Miguel Salazar a 16 de Setembro de 2010 às 17:00
Obrigado, Pedro.


De Miguel Salazar a 17 de Setembro de 2010 às 12:14
Eu, se comprasse um para mim, chamava-lhe "Milo-Presidente-como-deve-ser-um-verdadeiro-Presidente", vestia-o com o equipamento do Vitória e arrancava-lhe aquela porcaria das costas.
Assim é que era !


De anónimo a 17 de Setembro de 2010 às 14:24
vá lá, este comentário é mais condescendente, porque o boneco continuava a ser do Milo


De Miguel Salazar a 17 de Setembro de 2010 às 17:16
Sabe, meu caro, eu até nem faria questão nenhuma que ele deixasse de ser Presidente DESDE QUE mudasse radicalmente de atitude.
E essa mudança de atitude passaria por vestir o tal equipamento do Vitória, por arrancar aquela coisa das costas, e por ser-Presidente-como-um-Presidente-deve-ser.
SE ASSIM FOSSE, literalmente, até eu era capaz de um dia vir a votar nele...


De Jorge Nuno Folhadela a 17 de Setembro de 2010 às 18:01
Boa tarde.
Habituei-me a ver os seus cartoons no blog do Dr. Cirilo. Devo dizer-lhe que aprecio muito o seu trabalho e, quase sempre, os seus cartoons são brutais. Sou um fã devo confessar.
É a primeira vez que venho ao seu blog mas vou ficar cliente.
No que toca a estes bonecos que são do melhor confesso que tenho a certeza que não conseguiremos comprar nenhum virgem e programá-lo de "milopresidentedovitória" a sério. Estou mesmo a ver o boneco a partir a corda ou a entrar em "safety mode" por programação desconhecida. Tenho pena que o nosso Vitória vá sendo gerido por gente sinistra. Não se esqueça que antes de haver estes "milos de corda" existiram os "milos marionetas". Os "milos marionetas" eram do tempo do "corvo-piscaolhoesquerdo-magalhães" também conhecido como o "coveiro-branco". O problema desta gente é não aprender nada de nada com os maus exemplos. Podia servir-lhes de lição mas não. Gostam de fazer e de se prestarem a estes papéis. Depois admiram-se quando os mandam para o .... e para a .... que os .... alto e bom som. Citando o próprio "ficam canotados" com situações duvidosas e ambíguas por culpa própria.

Abraço para si. Continue o excelente trabalho.

SOMOS ÚNICOS

VVVVVIIIIIIIITTTTTTTÓÓÓÓÓRIIIIIIIIAAAAAAAA

jorge nuno folhadela


De Miguel Salazar a 18 de Setembro de 2010 às 00:26
Muito obrigado pelo seu comentário, Jorge Nuno.
Foi muito generoso...

Em relação aos nossos últimos presidentes, infelizmente tenho de concordar consigo.
Foi por tudo isso que fiquei com imensa pena que se tenha perdido a hipótese de se ter mudado o rumo das coisas no nosso clube. A lista que não conseguimos fazer eleger era composta por um grupo de pessoas com muito valor, esclarecidas e com ideias muito concretas sobre a melhor maneira de enfrentar os problemas do Vitória.
Foi pena, de facto, que a mensagem não tenha passado.
Mais uma vez se adiou o nosso futuro...


Comentar artigo

procurar cartoons
procurar por nome/palavra
 
desenhos mais recentes

o "álb'oon" em destaque (...

o "álb'oon" em destaque (...

VAR - Video And Rescue...

Eh pá... Criem-na lá !...

O senhor Júlio vai à Rádi...

O senhor Júlio e o amigo ...

Contas de Merceeiro...

Esse Mito Urbano chamado ...

Esse Mito Urbano chamado ...

As 4 Cartilhas do Vitória...

arquivo de desenhos
tudo sobre
tudo sobre
para explorar o blogue
acerca de nós
visitas nas últimas 24h

visitas acumuladas

páginas visualizadas