Sábado, 21 de Setembro de 2013
Cada vez Maaz... útil...

O regresso do Vitória às Competições Europeias foi... imperial.

Numa equipa que jogou globalmente muito bem e que valeu pelo seu todo, se houve alguma estrela que se possa dizer que brilhou ainda mais alto, ela foi Moussa Maazou. O nigerino está a subir de forma de jogo para jogo, e o aparecimento destes dois novos extremos rapidíssimos (Malonga e Plange), parece redimensionar o seu futebol. 

A equipa apareceu transfigurada e fez uma exibição absolutamente avassaladora, frente a uma equipa que, apesar de não ter grandes pergaminhos na Europa, não deixa de ser o 2º classificado do campeonato Croata (sem qualquer derrota em 15 jornadas), e de ser a equipa que eliminou a poderosíssima equipa alemã do Estugarda, no Play-Off de acesso a esta fase de grupos.

De facto, a exibição do Vitória foi tão categórica, que a formação croata quase pareceu roçar a vulgaridade.

Será que os croatas valem apenas isto que mostraram nesta 5ª feira, ou a sua exibição foi simplesmente manietada por um Vitória imperial e impiedoso?

Eu estou convencido que o Rijeka vale muito mais do que aquilo que nos pareceu, mas o futuro irá mostrar se eu tenho ou não razão...



publicado por Miguel Salazar às 11:46
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

procurar cartoons
procurar por nome/palavra
 
desenhos mais recentes

a Sétima Cruzada da Era M...

O rapaz do Bar...

Bongani Zungu...

Em busca da segunda chave...

A primeira das duas chave...

8º aniversário do “ÁLB’oo...

O homem-forte, o menino b...

Dragão d'Ouro...

Janeiro, o mês do nosso m...

O "déjà vu" de Jorge Simã...

arquivo de desenhos
tudo sobre
tudo sobre
para explorar o blogue
acerca de nós
visitas nas últimas 24h

visitas acumuladas

páginas visualizadas