Terça-feira, 12 de Janeiro de 2016
O CONFLICTO BRACARO-VIMARANENSE...

O CONFLICTO BRACARO-VIMARANENSE

QUASI LYNCHÁRAM OS PROCURADORES VIMARANENSES

 

20160102 Conflito Brácaro Vimaranense 600dpi.jpg

Os senhôres dr. Joaquim José de Meira, commandante José Minotes e conde de Margaride, distinctos procuradores por Guimarães á Junta Geral do districto de Braga, jàmais se tinham visto n'uma afflicção tão grande como nêste dia 28 do mez de novembro do anno de 1885.

Luiz do Valle, procurador por Villa-Vêrde (embora tivesse nascido em Braga e ahí fôsse residente), estava possuido pelo demo. Entoxicado pelo gaz sulfurôso da ganância, e sustentado pelas asas do odio e da inveja, o tinhôso incitava agora o poviléu braguez contra os procuradores por Guimarães, apontandol-os e submettendol-os á ira popular. O réles populacho, envenenado por todas aquellas intrigas, irrompeu então n'uma immensa fúria, gritando blasphemias e insultando os trez illustres vimaranenses, intentando attingil-os com tudo aquillo que tinham á mão. Lama, pedregulhos, tachos, panelas, martellos, sapatos e fôrmas, tudo servia para attentar contra a vida d'elles. Quasi os lyncháram...

Mais Guimarães de Janeiro 2016

 

 

José Rialto



publicado por Miguel Salazar às 18:55
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

procurar cartoons
procurar por nome/palavra
 
desenhos mais recentes

a Sétima Cruzada da Era M...

O rapaz do Bar...

Bongani Zungu...

Em busca da segunda chave...

A primeira das duas chave...

8º aniversário do “ÁLB’oo...

O homem-forte, o menino b...

Dragão d'Ouro...

Janeiro, o mês do nosso m...

O "déjà vu" de Jorge Simã...

arquivo de desenhos
tudo sobre
tudo sobre
para explorar o blogue
acerca de nós
visitas nas últimas 24h

visitas acumuladas

páginas visualizadas