Quarta-feira, 21 de Setembro de 2016
A marca indelével de Manuel Mendes...

20160920 Manuel Mendes.png

Ao conquistar a medalha de bronze na Maratona T46 das Paralimpíadas de 2016, Manuel Mendes conseguiu, de uma vez só, trazer uma enorme recordação do Rio de Janeiro para Guimarães, mas também deixar a marca indelével da sua passagem pela Cidade Maravilhosa...

 

José Rialto



publicado por Miguel Salazar às 23:28
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

Sábado, 23 de Julho de 2016
Um abraço lusitano desde o Berço da Nação...

20160708 José Mendes.png

 

José João Pimenta Costa Mendes nasceu em Guimarães, a 24 de Abril de 1985. Foi o primeiro ciclista português a participar no Campeonato do Mundo de Ciclismo Universitário (2006), numa altura em que frequentava, no polo de Guimarães, o Curso Superior de Engenharia Electrónica e de Computadores da Universidade do Minho.

Foi Campeão Nacional de Contra-Relógio como júnior e cadete, e Campeão Nacional de estrada como cadete.

Venceu a XVI Volta às Terras de Santa Maria “Troféu Fernando Mendes”. Em 2007, venceu a 15ª Volta a Portugal do Futuro e ficou em 2º lugar no 1º Prémio do Ciclismo do Minho e Alto Douro. A partir de 2008, e já como ciclista profissional, foi 3º classificado no 28º Grande Prémio do Minho, foi 6º no Campeonato Nacional de Élites (2012), e obteve posições consecutivamente muito honrosas nos contra-relógios individuais das várias edições desses Campeonatos (7º em 2008, 3º em 2009, 4º em 2010, 5º em 2012, 3º em 2015 e 2º em 2016).

Em 2015, venceu a 1ª etapa do Giro del Trentino (viria a ser 6º na Geral Individual), foi 5º no Critérium International e 5º na Coppa Bernocchi. Em 2016, foi 6º na Geral Individual do Tour da Noruega e foi Campeão Nacional de Portugal.

Ao longo da sua carreira, José Mendes representou as equipas da União Ciclista de Vila do Conde, do Benfica, da Liberty Seguros, da LA/Antarte/Rota dos Móveis, do CCC/Polsat (Polónia), da LA/Antarte e do NetApp/Endura (Alemanha). Actualmente, José Mendes representa os alemães do Bora-Argon 18.

Já representou a Selecção Nacional, em diversas ocasiões.

Foi seleccionado para participar nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro (2016).

José Mendes foi Embaixador da Cidade Europeia do Desporto, Guimarães'2013...

 

Fernão Rinada

 

homenagem_jose_mendes_9311_1_690_2000.jpg

(caricatura oferecida ao atleta no Salão Nobre da Câmara Municipal de Guimarães, esta noite)

 



publicado por Miguel Salazar às 23:55
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

Quarta-feira, 6 de Julho de 2016
Dulce e Ribas no Calçadão de Copacabana...

 

20160629 Dulce e Ribas 2.jpg

 

Ana Dulce Ferreira Félix nasceu em Guimarães, a 23 de Outubro de 1982. Iniciou-se no atletismo aos 12 anos, na Associação Cultural e Recreativa de Conde. Depois dos 17, passou pelo Vizela, pelo Sporting de Braga e pelo Maratona, até chegar ao Benfica em 2014.

Em pista e em 10.000m, Dulce foi Campeã Europeia em Helsínquia (2012) e Vice-Campeã em Amesterdão (2016). Foi Campeã Nacional dos 10.000m (2007) e bi-Campeã Nacional dos 5.000m (2010 e 2011),

Em pista coberta foi Campeã Nacional dos 1.500 e dos 3.000m (2010).

Em estrada, foi duas vezes Medalha de Ouro na Taça dos Clubes Campeões Europeus (2010 e 2011) e bi-Campeã Nacional de Estrada (2010 e 2011).

Em corta-mato, foi duas vezes vice-Campeã Europeia (2011 e 2012), duas vezes Medalha de Bronze em Europeus (2010 e 2013), e penta-Campeã Nacional (2010 a 2014).

Por equipas, foi bi-Campeã Europeia (2009 e 2010), e Medalha de Bronze no Mundial de 2009. Foi Medalha de Prata na Taça dos Clubes Campeões Europeus (2011), e é actualmente tetra-Campeã Nacional.

Dulce Félix foi Embaixadora da Cidade Europeia do Desporto, Guimarães’2013.

 

Ricardo Domingos Pires Ribas nasceu em Miranda do Douro, a 8 de Outubro de 1977. Iniciou a sua carreira de atletismo no Ginásio Clube de Bragança. Defendeu as cores do Maratona durante 9 temporadas, passou pela equipa da Skoda nos dois anos seguintes, e voltou para o Maratona para mais 3 épocas. Passou pela Conforlimpa e voltou ao Maratona para mais 2 temporadas. Em 2012/2013, assinou pelo Benfica.

Foi Campeão Nacional em pista, nos 5.000m (2002) e nos 10.000m (2012). Campeão Nacional de Corta-Mato (2005), 3 vezes Campeão Nacional de Corta-Mato curto (2006, 2013 e 2014), bi-Campeão Nacional de Corta-Mato longo (2013 e 2014), e bi-Campeão Nacional de estrada (2013 e 2014).

Foi Vice-Campeão Europeu de Corta-Mato por equipas (2006), 2 vezes medalha de bronze nos Campeonatos Europeus de Corta-Mato por equipas (2003 e 2007) e medalha de bronze nos Jogos da Lusofonia (2009).

Ricardo Ribas representou a Selecção Nacional em múltiplas ocasiões.

 

Dulce Félix e Ricardo Ribas vão representar Portugal na prova da Maratona das Olimpíadas do Rio de Janeiro’2016.

Ambos foram merecedores de uma homenagem pública, que teve lugar na 7ª Gala do Desporto de Guimarães...

 

20160703 Dulce e Ribas.jpg

(caricatura oferecida aos atletas na 7ª Gala do Desporto, Guimarães 2016)



publicado por Miguel Salazar às 19:45
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

Terça-feira, 5 de Julho de 2016
João Sousa, do Pão de Açúcar para o Corcovado...

 

20160701 João Sousa 2.jpg

 

João Pedro Coelho Marinho de Sousa nasceu em Guimarães, no dia 30 de Março de 1989. Dedicou-se desde muito cedo à prática do ténis e em 2005 tornou-se profissional, quando tinha apenas 16 anos.

João Sousa vive em Barcelona e é treinado por Frederico Marques, no Barcelona Total Tennis Academy.

Antes de chegar à Catalunha, João pertenceu aos quadros do Clube de Ténis de Guimarães.

É o melhor tenista português de todos os tempos, tendo sido o 4º a atingir o Top100 do ranking ATP.

Venceu 2 torneios ATP250: Kuala Lumpur (Malásia, 2013) e Valencia (Espanha, 2015). Foi finalista vencido noutros 5.

João Sousa já obteve 7 vitórias sobre jogadores do top40, 10 sobre jogadores do top30, 2 sobre jogadores do top10 e 1 vitória sobre o então nº 4 mundial (David Ferrer).

Nos torneios do Grand Slam, João Sousa acaba de atingir a 3ª ronda de Wimbledon (2016), já chegou à 3ª do Open da Austrália por 2 vezes (2015 e 2016) e à 3ª do US Open por 1 vez (2013). Atingiu a 2ª ronda de Roland Garros por 3 vezes (2013, 2015 e 2016) e a 1ª de Wimbledon por 2 vezes (2014 e 2015).

Venceu 5 torneios Challenger: Fürth (Alemanha, 2011 e 2013), Mersin (Turquia, 2012), Tampere (Finlândia, 2012) e Guimarães (2013). Venceu também 7 torneios Future.

João Sousa é hoje o 31º melhor tenista do Mundo, muito embora já tenha sido o 28º.

 

Em pares, já venceu dois torneios Challenger (Tampere2010, com Leonardo Tavares, Fürth’2012, com o espanhol Arnau Brugués-Davi) e 9 torneios Future.

Já foi internacional português em várias ocasiões e vai agora representar Portugal nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro (2016).

 

João Sousa foi merecedor de uma homenagem pública, que teve lugar na 7ª Gala do Desporto de Guimarães.

 

Fernão Rinada

 

(caricatura oferecida ao atleta na 7ª Gala do Desporto, Guimarães 2016)



publicado por Miguel Salazar às 22:05
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

Domingo, 3 de Julho de 2016
Um furacão chamado Rui, na Cidade Maravilhosa...

 

20160630 Rui Bragança.png

 

Rui Pedro Rebelo Bragança nasceu em Guimarães, no dia 26 de Dezembro de 1991. Iniciou-se no desporto com uma passagem muito fugaz pelo karaté. Tinha apenas seis anos, quando se mudou para a natação, onde chegou mesmo a entrar para a equipa de competição. Uma inconveniente alergia ao cloro obrigou-o a tentar outros caminhos, regressando aos desportos de combate. Foi assim que o Rui chegou ao taekwondo, tinha ainda 13 anos de idade. Iniciou-se no Koryo de Guimarães, afirmou-se nacional e internacionalmente no ABC de Braga, e em finais de 2014 transferiu-se para o Vitória (o clube do seu coração), onde ainda permanece.

Participou nos Campeonatos Universitários em representação da Universidade do Minho, e já integrou a Selecção Nacional em inúmeras ocasiões.

Rui Pedro Bragança já foi sete vezes Campeão Nacional (2008, 2009 e de 2011 a 2015), sendo portanto penta-Campeão Nacional. Já foi 2 vezes vencedor da Taça de Portugal (2010 e 2012), 2 vezes Campeão Nacional Universitário (2010, 2012 e 2015), tri-Campeão Nacional sub-21 (2009 a 2011) e bi-Campeão Nacional júnior (2007 e 2008).

A nível internacional, foi 2 vezes Campeão Europeu (Baku'2014 e Montreux'2016), Campeão Europeu de Pesos Olímpicos (Nalchik'2015), Vice-Campeão Mundial (Gyeongju'2011), medalha de ouro nos Jogos Europeus (Baku'2015) e no Campeonato da Europa Universitário de 2011, medalha de prata no Campeonato da Europa Universitário (2009 e 2015), medalha de ouro nos Jogos da Lusofonia (Índia'2014) e medalha de bronze no Campeonato da Europa de juniores (2007). Em termos de Opens, venceu os de Portugal (2011), Israel (2010, 2013 e 2014), Suécia (2010), Sérvia (2011 e 2012), Holanda (2011 e 2014), Polónia (2012 e 2015), Suíça (2012), França (2013), Croácia (2014), Áustria (2014), Canadá (2016) e o Grand Prix da Turquia (2015).

Actualmente é o nº 2 do ranking Mundial na sua categoria (<58kg), e o nº 3 do ranking Olímpico.

Rui Bragança foi Embaixador da Cidade Europeia do Desporto, Guimarães’2013.

Em Agosto de 2016, Rui Bragança estará presente nas Olimpíadas do Rio de Janeiro, passando a ser o primeiro atleta Vitoriano a marcar presença numa edição dos Jogos Olímpicos.

Rui Bragança foi merecedor de uma homenagem pública, que teve lugar na 7ª Gala do Desporto de Guimarães.

 

Fernão Rinada

 

20160703 Rui Bragança.jpg 

(caricatura oferecida ao atleta na 7ª Gala do Desporto, Guimarães'2016)



publicado por Miguel Salazar às 20:17
"link" do artigo | o seu comentário | favorito


procurar cartoons
procurar por nome/palavra
 
desenhos mais recentes

A marca indelével de Manu...

Um abraço lusitano desde ...

Dulce e Ribas no Calçadão...

João Sousa, do Pão de Açú...

Um furacão chamado Rui, n...

arquivo de desenhos
tudo sobre
tudo sobre
para explorar o blogue
acerca de nós
visitas nas últimas 24h

visitas acumuladas

páginas visualizadas