Sábado, 16 de Maio de 2015
Colinho desde o início até ao fim...

Carlos Xistra, João Capela, Bruno Paixão, Artur Soares Dias, Manuel Mota, Jorge Jesus (ao colinho) e Rui Costa

Colinho desde o início até ao fim.

A verdade é que Jorge Jesus vai conseguir fazer todo o Campeonato sem quase ter posto os pés no chão. Se calhar até vai ser Campeão sem ter gasto sequer as solas de um único par de botas.

Se o Benfica quiser até as pode trocar a todas no final da época.

Afinal elas estão como novas, não é verdade ?...

 

José Rialto



publicado por Miguel Salazar às 00:30
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

Sábado, 17 de Abril de 2010
Bullying...

Sem tirar nem pôr !

Àquilo que Soares Dias nos fez no jogo contra o Sporting de Braga, não se pode chamar outra coisa que não seja “bullying”.

Nessa partida de futebol, Artur Soares Dias usou e abusou do seu poder absoluto para hostilizar, provocar e castigar os jogadores do Vitória, uma e outra vez, de forma a garantir não só o efeito imediato com a perda imediata de todos os três pontos em disputa, mas também de modo a conseguir com que a sua marca ficasse indelével para os jogos que se lhe haveriam de seguir. E até nesse particular foi bem sucedido, com este último empate com o Olhanense.

E mais uma vez o crime voltou a compensar!

Depois desta surrealista e quase Kafkiana arbitragem, Artur Soares Dias acaba de ser convocado para integrar a equipa de arbitragem para, imagine-se,... uma das meias-finais da Liga dos Campeões.

Estranho mundo este em que vivemos, em que os justos são prejudicados e os prevaricadores premiados.

É verdade, Artur Soares Dias foi premiado, esse mesmo senhor que um jornalista italiano da Eurosport considerou como sendo “O” principal candidato ao título de “pior árbitro de 2010, senão do decénio”.

Pois bem, as mazelas infligidas pela prepotência (bullying) de Artur Soares Dias, não deixavam margem para grandes veleidades neste jogo com o Olhanense.

A verdade é que Paulo Sérgio, cerceado de cinco dos seus habituais titulares, num plantel já de si tão curto, não tinha condições para fazer muito melhor...


José Rialto

 

(cartoon publicado no sítio da Associação Vitória Sempre)



publicado por Miguel Salazar às 22:49
"link" do artigo | o seu comentário | favorito

Sábado, 10 de Abril de 2010
The Joker (2)...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Faltam-me palavras para descrever a inacreditável prestação de Artur Soares Dias no jogo do passado fim de semana com o Sporting de Braga. Faltam-me as palavras que parecem sobrar ao IMDb (Internet Movie Database), quando descreve a personagem de Joker, em Batman, the Dark Knight (no nosso caso foi mais "the dark night"):

 

“Parece ser o mais terrível, perturbado e psicótico de todos os seus inimigos (…) encara o crime como uma diversão, e não hesitará em brincar com as suas vítimas mesmo antes de as executar (…) ainda que possam ser os homens que ele próprio tenha contratado para o servir (…) usa roupa de cores berrantes, como o púrpura, o verde, e por vezes até o laranja (…) tem a face desfigurada e com aparência de palhaço (…) tradicionalmente, usa cabelo verde e lábios de um vermelho rutilante, conferindo-lhe um ar de palhaço psicótico (…) os seus métodos são imprevisíveis e inimagináveis (...) age de acordo com a sua mente distorcida, e não anseia por dinheiro (…) é frequentemente confrontado com as autoridades, mas rapidamente lhes consegue escapar através de processos ardilosos, fruto da sua mente distorcida (…) não consegue resistir ao protagonismo, procurando os holofotes dos média, para as suas representações mais dramáticas (…) na sua apresentação mais recente, surge como psicopata e criminoso demoníaco, uma espécie de Super-Homem de Nietzsche, desprovido de qualquer sentido de moralidade (…) qualquer humor que consiga demonstrar, será sempre sardónico e cruel...”

 

O que mais me intriga são as motivações destes Jokers que chafurdam a seu bel prazer neste pântano em que conseguiram transformar o futebol português. E dou comigo a pensar nos mais prováveis beneficiários de tudo isto.

Será o Benfica, que já distanciado deste seu surpreendente rival, se delicia com o cada vez mais provável afastamento do FCPorto da Liga dos Campeões?

Será o FCPorto, cego às consequências dos seus actos, e que em nome de um recente ódio passou a ter um prazer especial em ver o prejuízo do Vitória e que, em nome desse mesmo ódio, decidiu reforçar desmesuradamente um adversário que está agora na iminência de o afastar da Liga milionária?

Será o Sporting, que assim fica mais seguro de conseguir conservar o quarto lugar, que se transformou no maior objectivo desta época?

Será o Sporting de Braga, o mais óbvio mas menos provável, uma vez que não teve, pelo menos até esta época, o poder suficiente para fazer este tipo de jogo de bastidores, até hoje reservado aos estarolas (e ao Boavista)?

Ou será o tal "sentimento anti-Vitória", que parece crescer dia-a-dia, e que até já se propagou às modalidades amadoras?

Quais destas serão as motivações destes Jokers?

Serão todas elas, ou será apenas a conjugação de algumas?...

 

José Rialto

 

(cartoon publicado no sítio da Associação Vitória Sempre e no Depois Falamos)



publicado por Miguel Salazar às 19:56
"link" do artigo | o seu comentário | favorito


procurar cartoons
procurar por nome/palavra
 
desenhos mais recentes

Colinho desde o início at...

Bullying...

The Joker (2)...

arquivo de desenhos
tudo sobre
tudo sobre
para explorar o blogue
acerca de nós
visitas nas últimas 24h

visitas acumuladas

páginas visualizadas